Codesp participa de fórum de debate sobre expansão do Porto de Santos

A Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp) participou nesta semana (segunda e terça-feira, dias 11 e 12 de setembro), do Santos Export – Fórum Internacional para a Expansão do Porto de Santos, no Mendes Convention Center. O evento debateu principalmente assuntos relativos aos acessos ao complexo portuário, como dragagem, rodovias e hidrovias.

O presidente da Companhia Docas, José Alex Oliva, anunciou que vai apresentar à iniciativa privada, no mês que vem, os estudos para a implantação do transporte hidroviário no Porto, usando os rios do estuário para a movimentação de cargas. Ele também comentou as propostas de tornar a gestão do Porto local (pelo município ou estado) e de privatizar a dragagem. Segundo José Alex Oliva, tornar a administração regional, por si só, não resolve: “a gestão precisa ser profissional”, opinou ele. Em relação à privatização da dragagem, o presidente informou que o Governo federal está criando uma comissão interministerial para estudar o assunto: “o estudo vai envolver cinco ministérios, que terão 90 dias para avaliar a ideia e conversar com a iniciativa privada”, disse.

Outra iniciativa apresentada pela Codesp durante o Santos Export é a digitalização total da documentação que tramita no Porto. Conforme o diretor de Operações Logísticas da empresa, Carlos Poço, o objetivo é eliminar o uso de papel: “hoje se assina muitos documentos. Nós queremos que tudo se torne digital, agilizando os processos”, afirmou o diretor, que disse ainda que os envolvidos terão um prazo para se adaptar ao novo procedimento.
Assessoria